Qual é a diferença entre Branding e Performance?

Postado: 9 de maio de 2022

Com a evolução do marketing digital e a integração entre canais, é fundamental entender a diferença entre branding e performance nas estratégias de marketing médico.

Os dois conceitos caminham cada vez mais juntos, na busca de aumentar o engajamento da audiência e fortalecer a marca no mercado.

Assim, o investimento no conteúdo de qualidade e de interesse do usuário é o início para a construção e manutenção da imagem da marca.

Isso impacta diretamente no seu posicionamento diante dos clientes e concorrentes.

Mas, afinal, qual é a diferença entre branding e performance? Entenda a diferença desses termos e por que essas estratégias são importantes para profissionais de saúde.

Além disso, saiba como o investimento nessa estratégia pode despertar o interesse das pessoas nos seus serviços.

A diferença entre branding e performance está associada à percepção dos pacientes de você e sua clínica

O que diferencia as estratégias de branding e de performance?

O branding está relacionado à construção da marca e à consciência do público em relação a uma empresa, seus produtos e serviços – o awereness.

Portanto, campanhas de branding buscam gerar reconhecimento de marca, criar engajamento com a audiência e identificação com seu discurso. 

Já as estratégias de performance têm como foco o retorno do investimento em mídia, ou seja, em anúncios (ads) e campanhas.

Dessa forma, as métricas de análise são essenciais para que a empresa acompanhe o posicionamento e os interesses de seu público.

Além disso, é possível medir a interação com seu conteúdo, potencializando o alcance da marca.

Por que as estratégias de branding e de performance são tão importantes para o marketing médico?

O ponto mais importante, quando se trata de estratégias de branding efetivas, é que elas resultam em um ticket médio mais alto.

Isso porque a empresa se torna uma das mais lembradas pelo cliente no momento em que precisar de atendimento ou serviço de saúde.

Dessa forma, o valor da consulta pode deixar de ser o critério na escolha pelo profissional, e sim, a confiança na empresa de saúde.

Assim, os objetivos dos consultores de marketing digital estão sempre alinhados com ações que gerem conversão.

Ou seja, como obter mais cliques, compartilhamentos, comentários, dentre outros elementos que possibilitem mensurar o alcance da campanha.

Além disso, gerar leads (potenciais pacientes) é uma das metas das equipes de Inbound Marketing. Esses profissionais avaliam quantas pessoas demonstram interesse pela empresa.

Quando trabalhados juntos, branding e performance, as estratégias tendem a ter mais sucesso e alcançar mais pessoas do seu público-alvo

Como saber se os investimentos despertaram o interesse das pessoas?

Uma dúvida comum é saber se o investimento em branding realmente ajuda a conquistar novos clientes.

Para isso, algumas métricas podem ser analisadas como a taxa de novos visitantes do site, de retorno de visitantes, impressões e outros.

Todos os canais utilizados devem ser monitorados de perto. Para isso, existem ferramentas que orientam ações futuras e avaliam o retorno do investimento em ads.

Atuação da MarketMed

Aqui na MarketMed, ao gerenciar a marca de um cliente, somos orientados pela persona que criamos para a empresa.

A persona é o público-alvo dos conteúdos produzidos e em quem pretendemos despertar o interesse.

Dessa forma, a MarketMed preza por agregar valor para o usuário. Ou seja, criando uma relação de credibilidade e de identificação.

Além disso, priorizamos a entrega de excelentes resultados para nossos clientes. Nosso objetivo é ajudá-los a se manterem competitivos no mercado.

Por MarketMed Consultoria

Publicado por: marketmed

28 visualizações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *